Barra de Vídeo

Loading...

terça-feira, 8 de setembro de 2015

CANDIDATURA DO PARTIDO - FARO

http://www.lutapopularonline.org/index.php/partido/1699-lista-de-faro
1-antoniogamboa
1 - ANTÓNIO JOÃO COSTA GAMBOA
54 anos, casado, dois filhos, reside em Tavira. Como militante e dirigente do PCTP/MRPP, tem participado e encabeçado inúmeras lutas. Trabalhou durante dez anos como técnico administrativo no Hospital de Santa Maria, em Lisboa, onde foi representante dos trabalhadores contratados na luta que travaram para passagem a efectivos, que acabou por ser vitoriosa. É, desde 1990, operário maquinista-técnico ferroviário da CP-EPE.  Foi delegado sindical dos maquinistas do Algarve de 1996 a 2015  e membro da direcção do Sindicato Nacional dos Maquinistas (SMAQ), de 2001 a 2003. Tem participado de uma forma activa em todas as lutas e greves travadas no sector.  Foi  co-fundador e dinamizador do Núcleo Desportivo do SMAQ-Algarve, tendo sido promotor do Encontro Nacional de Maquinistas na Praia da Rocha, Portimão. É sócio do “Leões Futebol Clube de Tavira” e do “Ginásio Clube de Tavira”. É licenciado em Ciências Sociais.
2-terramoto
2 - ANTÓNIO MANUEL FERRO TERRAMOTO
63 anos, separado, três filhos, dois netos, é natural e residente em Olhão.   É desempregado de longa duração, tendo, anteriormente, exercido a profissão de auxiliar de farmácia, em Olhão. Militante do PCTP/MRPP desde 1974, foi  cabeça de lista pelo Partido nas últimas eleições autárquicas por Olhão. Dirige e é o redactor principal do blogue “Olhão Livre”, através do qual tem divulgado e dinamizado a luta pela defesa da Ria Formosa e de todas as questões ligadas ao mar. Nesta actividade tem-se batido firmemente contra as patifarias e prepotências levadas a cabo pelos interesses capitalistas e pelos órgãos do poder ao seu serviço, defendendo sempre intransigentemente os interesses dos trabalhadores e do povo e enfrentando, por isso, diversos processos judiciais movidos, designadamente, por presidentes da Câmara Municipal de Olhão.
3-mariasilva
3 - MARIA LUISA RAPOSO GUERREIRO DA SILVA
54 anos, casada, dois filhos, residente em Tavira.  É técnica superior no Centro de Informação Autárquico ao Consumidor (CIAC) - da Câmara Municipal de Tavira. É licenciada em Educação, Pedagogia Social e da Formação, e pós-graduada em Direito do Consumo e dos Contratos. É membro da direcção da Associação Tavirense de Apoioao Imigrante (ATAI) - e membro da direcção e fundadora da Associação de Técnicos Profissionais de Informação e Consumo (ATPIC).
4-analia
4 - ANÁLIA BOAVENTURA RAMOS GUERREIRO   (INDEPENDENTE)
56 anos, divorciada, dois filhos, natural  e residente em Faro. Trabalhou como auxiliar no Hospital de Faro durante cerca de dois anos, tendo  depois, entre 1996 e 2009, sido supervisora de serviços e espaços comerciais em empresas de limpezas, designadamente a EurosanidadeAlgarve, a Imotrópico, a Vadeca e a Conforlimpa. É, desde há seis anos, auxiliar de Acção Directa no Movimento de Apoio à Problemática da SIDA (MAPS). É, pela primeira vez, candidata parlamentar do PCTP/MRPP.
5-emiliorebelo
5– EMÍLIO JOSÉ DA CONCEIÇÃO FERREIRA REBELO
60 anos, casado, dois filhos, natural e residente em Olhão. Economista edocente universitário na Universidade do Algarve. Tirou o MBA (Master of Business Administration) na Universidade de Hallam – Sheffield e foi coordenador dos programas europeus de intercâmbio de estudantes (ERASMOS) entre 2000 e 2007. É, pela primeira vez candidato do PCTP/MRPP à Assembleia da República.
6-luisalexandre
6– LUÍS FILIPE MARTINS ALEXANDRE   (INDEPENDENTE)
61 anos, casado, duas filhas. Natural e residente em Faro. Como militante do MRPP e da Resistência Popular Anti-Colonial (RPAC), e enquanto militar, foi preso político em 1975, no seguimento da luta contra os embarques de mais soldados para as ex-colónias. Desenvolvendo a actividade de empresário no ramo do comércio em Albufeira, é presidente da Associação de Comerciantes e Serviços de Albufeira (ACOSAL). É ensaísta, com muitos trabalhos publicados em jornais, colunista no Jornal “Barlavento”, redactor em blogues, como o “Faro Activo” e escritor de livros, de que são exemplo "Albufeira: do delírio à agonia" e "Faro: a serpente de duas cabeças comeu as maçãs". Recentemente ganhou o Prémio Literário Manuel Teixeira Gomes, com o título "Da Mala de Cartão ao Canudo".
7-daliabica
7 – DALILA MARIA LEITE GONÇALVES BICA
60 anos, casada, 2 filhos, reside em Vila Real de Santo António. Militante de longa data do PCTP/MRPP pertenceu à União das Mulheres Comunistas (UMC). Trabalhou nos serviços de escrutínio dos jogos de apostas da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa entre 1980 e 1990. Após ter ficado desempregada, dedicou-se à produção e venda de artigos artesanais. Actualmente é dona de casa.
8-filiperebelo
8 – FILIPE EMÍLIO GONÇALVES REBELO
27 anos, solteiro, sem filhos. Natural e residente em Olhão. É operário técnico de manutenção de equipamentos térmicos naGolf Sant António F.A. Foi nadador-salvador em Olhão durante quatro anos, e trabalhou, durante dois anos, como empregado de mesa no restaurante Tolinhas na Ilha de Armona. É, pela primeira vez, candidato parlamentar do PCTP/MRPP.
9-joaosancho
9 – JOÃO MARTINS VARELA SANCHO
70 anos, solteiro, natural de Olhão,  reside na Ilha de Armona, neste concelho. Foi membro do Comité Lenine, Comité Central do MRPP. Participou activamente no movimento de ocupação de casas, em Olhão, após o 25 de Abril de 1974, altura em que aderiu ao MRPP. Em 23 de Abril de 1975, no seguimento de uma manifestação em Olhão contra a ilegalização do MRPP, foi preso às ordens do COPCON e enviado para o Presídio Militar de Santarém, onde esteve um mês. Foi emigrante, na Suíça e de regresso a Portugal, foi, entre 1982 e 1992, empregado de escritório, em Olhão e posteriormente empregado de mesa num restaurante na Ilha de Armona, onde também desempenhou a função de gerente. Está actualmente na situação de reformado.
SUPLENTES
10-margaridamacato
10 - MARGARIDA MARIA DA SILVA MACATÓ
60 anos, vive em união de facto e reside em Tunes, Silves. É empregada de limpeza e vendedora ambulante. Trabalhou como bordadeira na Madeira até 1982, foi sócia da União do Povo da Madeira (UPM) onde participou nas actividades da associação. É, pela primeira vez, candidata parlamentar do PCTP/MRPP
11-antoniosantos
11 - ANTÓNIO SERRA SANTOS
63 anos, divorciado, três filhos, é natural e residente em Olhão. Enquanto militante do PCTP/MRPP, participou e apoiou activamente o movimento popular de ocupação de casas em Olhão, logo após o 25 de Abril de 1974, bem como a heróica greve geral na indústria conserveira, em Outubro de 1974, contra o patronato, o governo e os dirigentes sindicais revisionistas, designadamente nas empresas UnipasF. Coco e Jacinto Ferreira. Foi apontador/controlador na Proconstrói e trabalhador na caixa do Bingo do Olhanense. Foi director recreativo na associação Progresso Olhanense. Mais recentemente, tem trabalhado como mariscador na Ria Formosa.
12-mariacurado
12 – MARIA JOÃO CURADO   (INDEPENDENTE)
53 anos, solteira, uma filha reside em Faro. É assistente técnica na Biblioteca da Câmara Municipal de Tavira. Entre 2001 e 2003, esteve destacada, como trabalhadora bibliotecária, na Escola de Enfermagem da Universidade do Algarve, em Faro. Candidata-se pela primeira vez nas listas do PCTP/MRPP à Assembleia da República.
13-damasonascimento
13 - DÂMASO AUGUSTO SILVA DO NASCIMENTO
60 anos, casado, duas filhas, é natural de Vila Real de Santo António e reside em Castro Marim. Como militante do MRPP, participou activamente nas lutas dos trabalhadores e trabalhadoras das conservas, em Olhão. Foi operário canalizador na empresa de conservas Comalte, em Vila Real de Santo António, participando aí em diversas lutas e tendo sido delegado sindical do Sindicato dos Metalúrgicos. Trabalhou depois na Doca Pacheco, em Olhão, (1992 - 1994), na Comalte (1994-1996) e na Bela Olhão (1996 – 2003), onde foi chefe de produção, até ser alvo de um despedimento colectivo com mais cinquenta trabalhadores. É empresário daquela que é, actualmente, a única unidade de transformação do atum no Algarve, a Conservas Dâmaso, em Vila Real de Santo António. É sócio fundador da Confraria do Atum, em Vila Real de Santo António.
14-fernandocolaco
14 – FERNANDO MANUEL MARTINS COLAÇO
64 anos, casado, dois filhos, é natural e reside actualmente em Martim Longo, Alcoutim. Está presentemente reformado, depois de uma vida de trabalho, como operário serralheiro, no Metropolitano de Lisboa,  onde participou e dirigiu inúmeros processos de luta e de greves, enquanto militante do PCTP/MRPP. Foi eleito por diversas vezes para a Comissão e Subcomissão de Trabalhadores desta empresa. Desenvolve, desde há longos anos, a actividade de escultor e artesão, expondo em feiras e mercados por todo o Sotavento Algarvio. É sócio da Associação de Artes e Sabores de Tavira (ASTA).

Sem comentários:

Enviar um comentário